Braskem consegue captar US$ 725 mi
13/10/2008

A petroquímica Braskem anunciou na última quinta-feira (9) ter concluído uma captação de US$ 725 milhões em operação de pré-pagamento de exportações, quando a estimativa inicial era captar US$ 500 milhões. Na avaliação do vice-presidente de relações com investidores da companhia, Carlos Fadigas, "o timing foi importante", já que a operação começou a ser estruturada em junho, antes da temporada mais tumultuada no mercado financeiro. Os recursos foram usados para quitar o pagamento do empréstimo-ponte de US$ 1,2 bilhão feito em 2007 para adquirir os ativos do grupo Ipiranga na área petroquímica. Em maio deste ano, a Braskem já havia emitido US$ 500 milhões em eurobonds. O custo do financiamento dos US$ 725 milhões foi considerado "competitivo" pela empresa: de Libor mais 1,75% ao ano, com prazo final de cinco anos e carência de três anos. Para os primeiros seis meses da operação foi pactuada Libor ajustada de 5,016% ao ano. A Braskem informou que não vê necessidade de buscar novos recursos este ano, já que fechou o segundo trimestre com R$ 1,8 bilhão em caixa e alongou o prazo médio de sua dívida para 11 anos (eram 10,5 anos em junho) com essa nova captação.

(Fonte: O Estado de S. Paulo, Gazeta Mercantil)