Siresp participa da abertura do encontro Grande ABC, Capital Nacional do Plástico
29/09/2008

O presidente do Sindicato das Indústrias de Resinas Plásticas (Siresp), Vitor Mallmann, participou do 7º Seminário do Setor Plástico do Grande ABC, que aconteceu durante o “Encontro Grande ABC, Capital Mundial do Plástico” em Santo André. Mallmann destacou que o momento eleitoral é ideal para redefinições acerca da tributação sobre atividades-chave da economia e apontou a falta de iniciativa do governo como um dos males que atingem o setor. "Nosso investimento foi feito. O que ainda não ocorreu foi a contrapartida", disse. A necessidade da redução dos impostos, para expansão do setor foi tema durante o evento. A região é o terceiro mercado consumidor do produto no País e a quinta maior entre os exportadores de plástico no Brasil. O Estado de São Paulo lidera o ranking das empresas e de trabalhadores no segmento. Ao todo são mais de 142 mil pessoas que atuam em mais de cinco mil empresas. Só no ABC, são mais de 600 empresas que empregam 18 mil trabalhadores. São Paulo também é um dos líderes, quando o assunto é arrecadação de ICMS, ou seja, é uma das regiões do território nacional, onde se paga mais na comercialização do plástico. O prefeito de Santo André, João Avamileno, que também é presidente do Consórcio Intermunicipal, afirmou que o maior desafio do setor, na região, é a redução do ICMS: "a cobrança do ICMS em São Paulo é de 18% e em outros Estados, é de 12%. Essa é uma questão que devemos nos atentar sempre". O executivo também saiu em defesa da imagem do plástico, afirmando que falta orientação para o consumidor e também há muitos problemas em relação à coletiva seletiva.

(Fonte: Diário do Grande ABC e Repórter Diário)