Petrobras passa a ter 23% da Braskem
03/06/2008

Pouco mais de um ano após uma aquisição conjunta do grupo Ipiranga, foi assinado na última sexta-feira o novo acordo de acionistas pelo qual a Braskem assumiu praticamente todos os ativos petroquímicos da Petrobras. Como resultado, a estatal do petróleo aumenta de 7,1% para 23,1% a sua participação no capital total da petroquímica, tornando-se sócia minoritária relevante. A fatia no capital votante passa de 8% para 30%.


A partir de agora, a empresa controlada pelo grupo Odebrecht passa a deter 100% do capital votante de Ipiranga Petroquímica, Ipiranga Química e Petroquímica Paulínia. Até então, a Petrobras detinha 40% dessas empresas. Também foi incorporada a fatia de 36,4% da estatal no capital votante da Companhia Petroquímica do Sul (Copesul), o que deixou a Braskem com participação de 99,17% da central gaúcha.

(Fonte: Valor Econômico)