Basf homenageia recordistas de produtividade em soja e milho
03/06/2008

A Basf realiza entre os meses de maio e julho de 2008 a 4ª edição do Destaque AgCelence. O evento acontece em 15 regiões distintas produtoras de soja e milho espalhadas por todo o País. Em cada uma delas serão anunciados os produtores que atingiram os maiores índices de produtividade nas safra de milho e soja usando tecnologia da Basf.

A estimativa é que todas as edições reúnam um total de 1500 produtores. A previsão da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) é que, neste ano, a safra atinja um recorde de 142,03 milhões de toneladas de grãos colhidos. Esse volume representa um crescimento de mais de 120% em apenas dez anos – a safra 97/98 foi de 76,558 milhões de toneladas de grãos, enquanto a área plantada no Brasil cresceu pouco menos de 35%.

Nesse período, a produtividade cresceu de 2.187 quilos por hectare para uma previsão de 3.026 dez anos depois – uma mostra do aumento do uso da tecnologia nas culturas. Num momento onde todos estão preocupados com os preços e com a produção mundial de alimentos, o Brasil desponta como o país que tem maior potencial de aumento na produção, que poderá ocorrer tanto pelo aumento do uso de tecnologia para melhorar os índices de produtividade, como pela incorporação de novas áreas.

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e a Conab, o Brasil possui 851 milhões de hectares, sendo que deste total 493 milhões são de Floresta Amazônica, unidades de conservação e outros usos onde não se pode produzir. Cerca de 290 milhões de ha são destinados para atividades agropecuárias, sendo 172 milhões para pastagem. Especialistas acreditam que 71 milhões de ha ainda estão inexplorados e possuem potencial para agricultura.

De acordo com a estratégia mundial da Basf de reunir todos seus produtos que comprovadamente geram efeitos fisiológicos positivos às plantas e resultam em ganhos de produtividade até 15% superiores à uma marca, a AgCelenceTM, o evento passa a se chamar Destaque AgCelence, e não mais Destaque Produtividade Opera como ocorrido até a terceira edição.

Serão reconhecidos os agricultores que obtiveram maior produtividade em soja e milho na última safra a partir da aplicação do fungicida Opera®, ou da aplicação do Standak + Opera. Opera® é o fungicida líder de mercado no Brasil e já tratou mais de 75 milhões de hectares em todo País desde seu lançamento em 2002. É também o mais lembrado pelos produtores em relação ao aumento de produtividade e ao controle de ferrugem asiática e outras doenças.

Prova de sua eficiência está no fato da Basf ser a única empresa até o momento reconhecida pelo Ministério da Agricultura, com aprovação desde junho de 2006 para incluir em bula a seguinte frase: "Utilizando Opera® nas doses recomendadas podem ocorrer efeitos fisiológicos positivos na fisiologia das plantas, como o incremento da produtividade ou a qualidade do produto final". Já o inseticida Standak® tem alta performance para o tratamento de sementes.

A partir de sua aplicação, proporciona a proteção contra importantes insetos durante o processo de germinação e emergência, além de permitir um melhor desenvolvimento inicial das raízes e das plântulas, ou seja, um melhor estabelecimento inicial da cultura. Isto se traduz em melhoria da sanidade e do vigor das plantas jovens. "O evento reforça o compromisso da Basf com os objetivos do produtor de milho e soja brasileiro. É nele também que se comprova como foi possível o aumento de produtividade e rentabilidade do agricultor através do uso do Opera, afirma o gerente de milho e soja da Divisão de Proteção de Cultivos da Basf, Fábio Dias.

(Fonte: Site Basf)