Exportação de químicos cresce 14,9% no bimestre
18/03/2008

As exportações brasileiras de produtos químicos atingiram US$ 1,8 bilhão no primeiro bimestre de 2008, um percentual 14,9% acima do registrado em igual período do ano passado. Nas vendas ao exterior, os destaques ficaram por conta das resinas termoplásticas, com um total de US$ 250 milhões, e dos aditivos de uso industrial, com US$ 159,5 milhões vendidos. Já a balança comercial de produtos químicos dos meses de janeiro e fevereiro, em comparação aos mesmos meses do ano passado, ficou deficitária em cerca de US$ 3 bilhões, com um crescimento de 84% sobre o mesmo período de 2007.

Em volume, a exportação no bimestre cresceu 3,6%, para 1,6 milhão de toneladas, ao passo que as importações foram de 4,9 milhões de toneladas, um salto de 30,1% ante o primeiro bimestre do ano passado. A importação de produtos químicos no primeiro bimestre deste ano somou US$ 4,8 bilhões, o que representa um crescimento de 50,4% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com dados divulgados quinta-feira (13) pela Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim).

A categoria que liderou as importações foi a de fertilizantes, bem como os produtos intermediários para sua produção. No período, os produtos químicos representaram 7% do total das exportações e 20% das importações realizadas pelo País. (Fonte: DCI)