Balanço Unipar
18/03/2008

A Unipar, holding com ativos petroquímicos, teve lucro de R$ 145 milhões em 2007, o que resultou alta de 60% sobre o ano anterior. A cifra foi obtida num cenário de alta das matérias-primas. O faturamento alcançou R$ 4,1 bilhões e a geração de caixa evoluiu 32% para R$ 425 milhões. Pesaram no resultado as participações na Rio Polímeros, pólo de produção de polietileno, que teve lucro de R$ 132,6 milhões em 2007, ante prejuízo de R$ 92,4 milhões de 2006, quando a fábrica entrou em operação.

A Polietilenos União também reverteu o resultado, apresentando ganho de R$ 36,5 milhões, diante de prejuízo de R$ 9,3 milhões no ano anterior. A Petroquímica União (PQU) teve ganho de R$ 172,2 milhões, alta de 16%. Esses ativos deverão compor a Companhia Petroquímica do Sudeste, onde a Unipar terá 60% do controle em sociedade com a Petrobras (40%). Para formar a nova empresa, a Unipar já constituiu sociedade de propósito específico (SPE), a Fasciatus Participações, onde serão aportados suas participações na Rio Polímeros, PQU e Polietilenos União além dos R$ 380 milhões para compra de ações da Riopol. A divisão química da Unipar, que lucrou R$ 13 milhões, também fará parte da SPE. (Fonte: Valor Econômico)