Vendas domésticas crescem 5,31% em 2007
24/01/2008

As vendas internas de produtos químicos de uso industrial apresentaram expansão de 5,31% no ano passado, na comparação com 2006. O resultado positivo, no entanto, poderia ter apresentado uma expansão mais acentuada, não fosse o crescimento de 37,37% das importações. Segundo dados preliminares divulgados hoje pela Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim), o consumo aparente nacional (CAN) teve alta de 8,70% em 2007.

A entrada das importações também levou as empresas a ampliar a capacidade de produção a um nível menos acentuado do que a demanda. O índice que mede o volume de produção no Brasil cresceu apenas 1,60% no ano passado. O setor encerrou 2007 com nível médio de utilização de capacidade de 87%. Em dezembro, a taxa chegou a 90%.

A maioria dos grupos pesquisados pela Abiquim apresentou expansão de vendas em 2007. As exceções foram as áreas de intermediários para fertilizantes (-8,12%), intermediários para plásticos (-7,23%), solventes industriais (-3,80%) e intermediários para detergentes (-1,17%).

O setor de produtos químicos de uso industrial responde por quase 55% da receita da indústria química nacional e é composto por produtos químicos inorgânicos e orgânicos, resinas e elastômeros e produtos diversos, como adesivos e selantes, entre outros. (Fonte: Gazeta Mercantil )