Lanxess e Braskem tratam de expansão da Petroflex
15/01/2008

A aquisição do controle da Petroflex concluída pela alemã Lanxess deverá dar início a uma série de negociações entre a fabricante e a Braskem, principal fornecedora de butadieno às unidades da maior produtora de borracha sintética da América Latina. A expectativa da direção da Lanxess é ampliar o volume de negócios da Petroflex, mas para isso será necessário um aumento na capacidade de produção da companhia.

De acordo com o presidente da Lanxess no Brasil, Marcelo Lacerda, o grupo alemão está disposto a acompanhar o crescimento da demanda interna por borrachas sintéticas e da oferta de matéria-prima. A Braskem, por sua vez, vê a parceria com a Lanxess como um negócio promissor e, por isso, estaria disposta a ampliar o fornecimento de butadieno para a Petroflex. (Fonte: Gazeta Mercantil)