Vendas à Argentina já superam 2006, diz Braskem
10/09/2007

As vendas da petroquímica Braskem à Argentina somaram US$ 170 milhões nos oito primeiros meses deste ano, resultado superior às vendas realizadas no país vizinho durante todo o ano de 2006 (US$ 160 milhões). Com isso, o mercado argentino já representa quase um terço de todas as vendas da companhia no exterior.

De olho no potencial deste mercado, o presidente da companhia, José Carlos Grubisich, reuniu-se hoje com lideranças da cadeia petroquímica argentina, empresários, clientes e parceiros locais. 'O mercado da Argentina é uma prioridade para a Braskem, o que nos levou a expandir nossas operações no país com uma equipe focada em desenvolvimento de mercado, distribuição própria e assistência técnica aos clientes', destaca o executivo.

Outra prioridade da companhia é ampliar a oferta de produtos de maior valor agregado, como as resinas metalocênicas, segmento que terá um novo incremento devido à aquisição da Ipiranga definida pela Braskem em março deste ano.

Neste ano, as exportações da Braskem para a Argentina apresentam crescimento de 63% ante 2006, número que ainda não considera os efeitos da aquisição da Ipiranga Petroquímica, da Ipiranga Química e da Copesul. (Fonte: InvestNews)