Fórum Comperj volta à ativa após 8 meses
27/01/2010

Após quase oito meses sem realizar reuniões para discutir o desenvolvimento de projetos, o Fórum Comperj, criado pelo governador Sérgio Cabral para debater medidas de desenvolvimento da região Leste Fluminense, enfim, voltará a ter uma reunião. De acordo com o secretario de Planejamento de São Gonçalo, Luiz Paiva, que denunciou a falta de efetividade do órgão, no dia 27 de janeiro está marcado um novo encontro do órgão.

A integrante do governo, Aparecida Panisset (PDT), não revelou qual será o tema da reunião que marcará a retomada dos trabalhos no Fórum Comperj. Entretanto, Paiva adiantou que vai aproveitar as discussões do próximo dia 27 para sugerir a criação de uma nova agenda programática, defendida por todos os 13 municípios que integram o Consórcio Intermunicipal da Região Leste Fluminense (Conleste). O objetivo desta agenda seria evitar um novo processo de paralisação nas reuniões do Fórum Comperj.

“Ficamos muito tempo sem realizar uma reunião e isso não pode permanecer assim. A justificativa foi o período eleitoral, mas o processo de desenvolvimento independe disso. Agora nós vamos sugerir uma agenda programática para 2011 e que ela seja cumprida por completo”, declarou Luis Paiva.

Fórum - Criado por decreto estadual em 2007, o Fórum Comperj é tido como o primeiro passo orientado para o planejamento e execução de políticas públicas relacionadas à área de influência do Complexo Petroquímico do Rio do Janeiro (Comperj), em Itaboraí. Atualmente, a principal preocupação do grupo se concentra na liberação de verbas para a construção de vias de acesso para o complexo.