Braskem anuncia investimento no México
09/11/2009

A Braskem vai anunciar na segunda-feira (09) os detalhes de um investimento estimado em US$ 2,5 bilhões para construção de um complexo petroquímico no México. O empreendimento será feito em parceria com o grupo local Idesa, que atua nos ramos químicos e petroquímicos, e está previsto para entrar em operação em 2015. Conhecido até agora como projeto "Etileno XXI", a central petroquímica, à base de gás etano, terá capacidade para 1 milhão de toneladas de eteno ao ano. O produto será utilizado como matéria-prima para fazer polietileno, resina plástica com diversas aplicações industriais. A fabricação de polietileno será feita em três unidades de polimerização, com capacidade total de 1,25 milhão de toneladas, segundo apurou o Valor. Haverá uma linha de produto de alta densidade, outra de baixa densidade e uma terceira para baixa densidade linear. Grande parte desse volume será destinada ao mercado mexicano, que é dependente de importações da resina. Na sexta-feira (13) a Pemex, petrolífera estatal mexicana informou que fornecerá a matéria-prima (gás etano) para fazer eteno ao consórcio vencedor da concorrência - Braskem e Idesa - para erguer a central petroquímica. O contrato de suprimento, de 66 mil toneladas diárias, era fundamental para viabilizar a construção do polo industrial, que será erguido na zona de Coatzacoalcos, na província de Veracruz. O fornecimento ficará a cargo da Pemex Gás e Petroquímica Básica.

(Fonte: Jornal do Comércio - RS)