Acordo para criar gigante petroquímica está próximo
05/10/2009

A Braskem, Quattor e Petrobras planejam anunciar entre a segunda quinzena deste mês e a primeira quinzena de novembro, a megafusão dos ativos petroquímicos, numa única companhia. Será o maior negócio envolvendo grupos industriais no Brasil. Se criada, a nova empresa controlará a maior parte da cadeia do plástico no mercado interno, incluídas matérias-primas como o polietileno e o polipropileno. O faturamento líquido consolidado da empresa chegará a R$ 26 bilhões anuais, além da promessa de se criar um grupo petroquímico nacional, com planos de expansão internacional e robustez para enfrentar competidores globais.

Fonte: Folha de S. Paulo, 05/10