Exportações do Brasil PE e PP estão no rumo ao milhão
26/09/2009

As exportações brasileiras de polietilenos (PE) e polipropileno (PP) acumuladas, até agosto deste ano, já somam 879 mil toneladas, um crescimento de 77% em relação a 2008, e com força para chegar a marca de 1 milhão, antes do final do ano. Esta marca mostra a força da petroquímica brasileira no continente latino americano: o que o Brasil está exportando de PE e PP é maior que os mercados de muitos países da região. O Brasil está exportando resinas petroquímicas e não petróleo, agregando valor na cadeia do petróleo, gerando divisas na balança comercial setorial. Todos ganham, o Brasil, as empresas e seus acionistas. Esta fórmula ganha-ganha de exportação de resinas tem que ser mantida e fortalecida, com atuação constante das empresas brasileiras, em mercados competitivos como o europeu e o asiático. Assim, fortalecerá os novos empreendimentos do Comperj e da nova era dos investimentos petroquímicos do pré-sal, dando competitividade para a indústria no Brasil, ser um player global.

Fonte: (Maxiquim)