Suzano Petroquímica ganha Prêmio Nacional de Qualidade 2005
28/10/2005

A FNQ - Fundação Nacional de Qualidade conferiu à Suzano Petroquímica o Prêmio Nacional de Qualidade 2005, reconhecimento conferido às companhias que trabalham na busca permanente da excelência na gestão. “Trata-se de um importante reconhecimento de nossas práticas, baseadas em uma política de trabalho que prioriza a inovação, o crescimento, a rentabilidade e a sustentabilidade”, afirmou José Ricardo Roriz Coelho, superintende da Unidade de Polipropileno da companhia.

Na busca permanente da excelência na gestão, a Unidade Polipropileno da Suzano Petroquímica adotou, a partir de 2000, os critérios de excelência da Fundação Nacional de Qualidade (FNQ). A decisão representou um marco para a companhia, uma vez que a condução da gestão por meio de processos integrados promoveu o equilíbrio no atendimento das necessidades e melhoria na performance dos resultados.

O ciclo de planejamento estratégico da Suzano Petroquímica é executado de forma participativa, abrangendo todos os níveis da organização, assegurando o comprometimento de todos para atingir os resultados esperados.

O relacionamento com os clientes por meio de inovação em serviços, agilidade e flexibilidade no desenvolvimento de soluções, aliado à qualidade do produto é resultado de um profundo conhecimento das demandas do mercado, o que lhe confere a liderança em resinas de polipropileno.

Outro ponto que vale mencionar é o destacado desempenho no desenvolvimento de novos produtos, com índices crescentes de novas aplicações e resultados relevantes na eficiência operacional de suas unidades.

Além de fornecer produtos e serviços de qualidade e alinhados com as demandas de seus clientes, a Suzano Petroquímica adota uma postura efetiva no campo da responsabilidade socioambiental, compreendendo essas atividades como parte de seu planejamento estratégico.


Por Marcio Freitas