IstoÉ Dinheiro destaca empresas que unem inovação e sustentabilidade
06/04/2009

A revista Istoé Dinheiro desta semana destaca as 50 empresas que realizaram projetos inovadores, aliados à sustentabilidade. Entre elas destacam-se a Braskem, que será a primeira do mundo, a partir do ano que vem, a produzir em escala comercial o polietileno de origem vegetal, que vem sendo chamado de plástico verde. A empresa também desenvolveu novo jeito de construir residências, a partir do Sistema Construtivo Concreto PVC. O modelo é canadense e conta com modulares leves que se encaixam como um grande jogo de Lego. Depois de montado, o sistema é preenchido com concreto e aço, resultando em um produto de elevada resistência e custo reduzido em relação ao método convencional. Além do benefício financeiro, o Concreto-PVC é uma alternativa para reduzir o impacto da construção civil no meio ambiente, já que o PVC é reciclável. Já a Coca-Cola mostrou-se mais sustentável com a decisão de reduzir o consumo de garrafas PET, sem prejudicar as vendas através de um desenvolvimento da Internacional Society of Beverage Technologist que criou uma minitampa. Com ela, será possível economizar o equivalente a 120 milhões de embalagens PET de dois litros até 2012. A nova tampa possui altura quatro milímetros menor e bocal inferior ao do padrão atual. O papel sintético feito de plásticos reciclados, desenvolvido pela Vitopel, também colocou a empresa entre as 50 eleitas pela revista. O produto vem sendo consultado por editoras que atuam no Programa do Livro Didático, do Ministério da Educação, mas o lançamento oficial acontecerá durante a Brasilplast 2009, quando poderá ser visto em boa parte do material de divulgação (banners e cartazes) produzido para o evento.


(Fonte: Revista IstoÉ Dinheiro - edição 8 de abril)